OCUPAÇÃO EM ITABERAÍ ÀS MARGENS DA GO 070

REFORMA AGRÁRIA

Trabalhadores rurais ocupam uma  área às margens da GO 070, próximo  a cidade de Itaberaí-GO.  Segundo os dirigentes dos SINDICATO DOS TRABALHADORES RURAIS, a ocupação pode mobilizar cerca de 200 famílias de sem terra. O acampamento provisório é em uma área da AGETOP – Agência Goiana de Transporte e Obras. A PM tenta impedir a ação dos trabalhadores, que estão resistindo. Contato – ROMILDO ASSIS  (62) 99935-9001

PADEIROS DE SÃO PAULO NA LUTA PARA GARANTIR DIREITOS

Os Trabalhadores do setor de panificação de São Paulo, realizam assembleia geral no dia 7 de outubro na sede do Sindicato (Rua Major Diogo, 126, Bela Vista), para discutir a proposta dos patrões apresentada nas negociações da Convenção Coletiva da categoria.

Segundo Chiquinho Pereira, presidente do Sindicato dos Padeiros, os patrões querem retirar todas as conquistas dos trabalhadores da panificação (padeiros, confeiteiros, balconistas, doceiros e outros). “É uma irresponsabilidade do setor patronal querer retirar os direitos de Participação nos lucros, cesta básica, convenio médico e até o vale (adiantamento), dentre outras conquistas. Não vamos perder nossos direitos. Vamos à luta e para isso, usaremos todas as marmas necessárias”, disse Chiquinho Pereira, presidente do Sindicato.

A assembleia geral dos padeiros será no dia 07 de outubro, às 16h na sede do sindicato.

Banner da Assembleia Geral dos padeiros de São Paulo. Mostra um calendário no dia 07 de outubro e o texto ASSEMBLEIA GERAL DA CATEGORIA, dia 7 de outubro às 17h , no sindicato, Rua Major Diogo, 126, Bela Vista.

 

DIA NACIONAL DE PARALISAÇÃO E MOBILIZAÇÃO DA CLASSE TRABALHADORA

Plenária da 15ª Conferência Nacional de Saúde, manifestantes com gritos e bandeiras em defesa do SUS.

FOTO – Luiz Henrique Parahyba

As principais centrais sindicais do Brasil – CUT, CTB, UGT, Força, NCST, CSP-Conlutas e Intersindical –, e as entidades que formam as frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo realizam no próximo dia 22 o Dia Nacional de Paralisação, rumo à greve geral – Nenhum direito a menos.

As paralisações, atrasos na entrada, assembleias nas portas dos locais de trabalho, passeatas e manifestações ocorrerão durante todo o dia em todo o País.

São Paulo

Em São Paulo, berço do golpe, às 10h, trabalhadores iniciarão uma concentração na frente da FIESP, Avenida Paulista, 1313, onde às 11h, os sindicalistas entregarão a diretores da FIESP a pauta em defesa dos direitos sociais e trabalhistas.

Às 15h, trabalhadores e militantes de várias categorias profissionais iniciarão concentração em frente ao Vão Livre do Masp, onde os professores da Rede Pública Estadual estarão reunidos em assembleia.

Às 16h, haverá um ato público com todas as categorias profissionais que vão participar do Dia de Paralisação.

Nenhum direito a menos

Além das dezenas de projetos que preveem a ampliação da terceirização apoiada por Temer, vários ministros do governo falaram em outras propostas que tiram direitos da classe trabalhadora, entre elas, a reforma da Previdência, com idade mínima de 65 anos e redução de benefício; mudanças na Lei trabalhista para permitir acordos de redução de salários, 13º e fatiamento das férias; e a PEC 241 que reduz os investimentos sociais, em especial nas áreas de saúde e educação.

manifestantes em Brasília em frente ao Congresso Nacional, acompanhando a votação de impedimento da presidenta Dilma. Um sol muito azul e as nuvens escuras em cima do prédio do senado federal
É contra esses ataques aos direitos sociais e trabalhistas que todos os trabalhadores têm de participar do Dia Nacional de Paralisação e se preparar para a greve geral, explica o presidente nacional da CUT, Vagner Freitas.

“Dia 22 de setembro, todos nós, trabalhadoras e trabalhadores, temos que estar nas ruas, dando um recado para esse governo golpista, dizendo que não vamos tolerar que mexam em nossos direitos. Rumo à greve geral”, convocou o dirigente.

As centrais sindicais defendem um projeto de desenvolvimento com geração de emprego e distribuição de renda, trabalho decente, aposentadoria digna e a redução da jornada de trabalho para 40 horas semanais sem redução de salário.

Confira a agenda:

Acre
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral

Alagoas
Educação:
Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Amazonas
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Amapá
Ato com as Centrais Sindical – Praça da Bandeira
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Bahia
08h: Paralisação das categorias no início do expediente

A partir das 15h, as diversas categorias do estado se reunirão na Praça Campo Grande para realização de uma caminhada com a presença da presidenta legitima Dilma Rousseff, culminando com o grande ato político em defesa da democracia e dos direitos trabalhistas na Praça Castro Alves.
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Ceará
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22.

Distrito Federal
7h – Ato em frente ao Pátio Brasil – Setor Comercial Sul;
7h – Ato dos Servidores Públicos Federais – No Espaço do Servidor – Esplanada dos Ministérios;
7h – Assembleia por local de trabalho do Sindvalores
9h – Ato na CEB do Setor de indústria e Abastecimento –  S.I.A;
9h – Assembleia do SINDETRAN – No estacionamento do DETRAN Sede;
9h30 – Assembleia do SAE DF – Em frente à Câmara Legislativa do DF;
9h30- Assembleia do SINPRO DF – Em frente ao Palácio do Buriti;
10h – Ato do Sindser – Em frente ao TCDF

Tarde
14h – Ato Unificado em Defesa da Plataforma da Classe Trabalhadora – Em frente à Câmara Legislativa.
Denunciar os problemas que os servidores estão enfrentando com o governo Rollemberg e defender a plataforma da CUT: Nenhum Direito a Menos; Fora Temer e Greve Geral;

Noite
17h – Ato Fora Temer! Nenhum Direito a Menos! Organizado pelas Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo – No Museu da República com caminhada para o Congresso Nacional.

Espiríto Santo
Ato as 09h Em frente a ALES
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Goiás
Educação:
Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral

Maranhão
Ato público com as centrais sindicais, às 15h, na Praça Marechal Deodoro
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bahncários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Minas Gerais
A Tarde – Audiência Pública na ALEMG
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Mato Grosso do Sul
08h – Audiência Publica Câmara Municipal sobre 257
15hs – Ato na Praça Antônio João
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Mato Grosso
Ato as 16h na Praça Ipiranga –  Centro de Cuiabá
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Pará
Ato público – concentração no Mercado de São Brás, às 9h, seguido de caminhada até a Praça da Republica. Com todas as categorias em greve e em luta! E com as centrais sindicais e movimentos populares. Rumo à GREVE GERAL
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Paraíba
04h00 – Piquetes nas empresas de transporte urbanos e na Estação Ferroviária;
10h00 – Concentração em frente ao Bompreço do Parque Solon de Lucena – Lagoa, e arrastão pelas ruas do comércio;
15h00 – Concentração em Frente ao Liceu Paraibano e marcha pelo centro até o Ponto de Cem Réis
Campina Grande
14h00 – Ato Público rumo à Greve Geral – Praça da Bandeira
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Pernambuco
15H – Em frente a FIEPE – Av. Cruz Cabugá, 767 – Santo Amaro – Recife
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Piauí
08h – Concentração na Praça da Bandeira – Teresina
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Paraná
Horário: Concentração às 18h
Local: Praça Santos Andrade, s/n, Centro.
Educação: Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Rio de Janeiro
17hs – Passeata da Candelária até a ALRJ (Pela  Av. Rio Branco)
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Rio Grande do Norte
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Rio Grande do Sul
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Santa Catarina
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Sergipe
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

São Paulo
10h – Centrais entregam documento na FIESP – Nenhum Direito a Menos
14h – Assembleia Apeoesp – Av. Paulista – MASP
16h – Ato Por Nenhum Direito a Menos – Av. Paulista – MASP
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Tocantins
Educação:
 Paralisação das atividades, ato unificado e em conjunto com as Centrais Rumo a Greve Geral
Bancários: Orientação da Contraf para intensificar a greve no dia 22

Escrito por: Marize Muniz • Publicado em: 20/09/2016 – 12:23 • Última modificação: 21/09/2016 – 17:38   – CUT

Fiocruz ajuda na prevenção ao suicídio no SETEMBRO AMARELO

INFORMAÇÃO É UM BOM REMÉDIO PARA COMBATER O SUICÍDIO

Com o objetivo de disseminar a informação para quebrar tabus e debater o tema, o Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (Icict), da Fiocruz, lançou durante o mês de setembro/2016, uma série de matérias sobre prevenção ao suicídio, celebrando o “Setembro Amarelo”.

A série “Não há lirismo no suicídio” apresenta números, infográficos, vídeos, entrevistas e depoimentos sobre a questão do suicídio enfocando os números do Brasil, a prevenção, o suicídio entre jovens e entre idosos, e os sobreviventes de um suicídio (familiares, amigos, colegas de trabalho e etc.). A Agência Fiocruz de Notícias também dedicou ao tema um hotsite especial, intitulado “Suicídio”

 

Infográfico do comportamento suicida ao longo da vida. Gráfico mostra com fonte da BOTEGA o comportamento de cada 100 habitantes

Todas as matérias podem ser acessadas nos links abaixo.

Série Não há lirismo no suicídio

Os números que assustam (sobre os números no Brasil)

http://www.icict.fiocruz.br/content/n%C3%A3o-h%C3%A1-lirismo-no-suic%C3%ADdio-os-n%C3%BAmeros-que-assustam

Todos por um, um por todos (sobre prevenção)

http://www.icict.fiocruz.br/content/n%C3%A3o-h%C3%A1-lirismo-no-suic%C3%ADdio-todos-por-um-um-por-todos#overlay-context=content/n%25C3%25A3o-h%25C3%25A1-lirismo-no-suic%25C3%25ADdio-os-n%25C3%25BAmeros-que-assustam

Quando os anos são poucos (sobre jovens)

http://www.icict.fiocruz.br/content/n%C3%A3o-h%C3%A1-lirismo-no-suic%C3%ADdio-quando-os-anos-s%C3%A3o-poucos#overlay-context=content/inovaicict-30-anos

Quando os anos pesam (sobre idosos)

http://www.icict.fiocruz.br/content/n%C3%A3o-h%C3%A1-lirismo-no-suic%C3%ADdio-quando-os-anos-pesam

Do luto à luta (sobre sobreviventes)

http://www.icict.fiocruz.br/content/n%C3%A3o-h%C3%A1-lirismo-no-suic%C3%ADdio-do-luto-%C3%A0-luta

Agência Fiocruz de Notícias – Especial Suicídio – https://agencia.fiocruz.br/suicidio

Fundação Pró-Cerrado discute políticas para juventude

 

Instituição goiana atua há mais de 20 anos na promoção da cidadania e colabora para o desenvolvimento socioeconômico do Brasil.

 

A Fundação Pró-Cerrado (FPC) realiza, nos próximos dias 27 e 28 deste mês,o VII Fórum Ibero-Americano: Fazendo Política Juntos, de caráter internacional. O evento, que acontece no auditório do Tribunal Superior do Trabalho (TST) – em Brasília, reunirá autoridades do mundo todo para discutir políticas públicas para a juventude. A Liga Ibero-Americana de Organizações da Sociedade Civil (La Liga) e a Rede Pró-Aprendiz (RPA) também fazem parte da realização do encontro.

“As políticas públicas de juventude no Brasil são sempre sazonais. A única que nós temos, baseada na legislação e que não é de um ou outro governo, é a Política Pública de Aprendizagem. Precisamos estimular a implantação efetiva delas no país”, afirma o Superintendente da Rede Nacional de Aprendizagem, Promoção Social e Integração (Renapsi) e membro da junta diretiva da La Liga, Valdinei Valério. “Este fórum vai nos proporcionar a possibilidade de levarmos ideias e também reivindicações às assembleias legislativas e até mesmo ao Congresso Nacional para mudar esta realidade”, completou o superintendente.

A fim de construir um espaço de discussão na sociedade civil para o desenvolvimento de políticas públicas voltadas à juventude, o evento visa, por meio de palestras e dinâmicas de interação, promover ações que aumentem as oportunidades de capacitação, educação e trabalho para os jovens e o exercício pleno dos direitos deles enquanto cidadãos.

Fundação Pró-Cerrado

Organização da sociedade civil, a FPC atua há mais de 20 anos na promoção da cidadania, em parceria com o poder público, a iniciativa privada e o terceiro setor.

Por meio de programas diversos de atendimento ao Jovem, a instituição colabora para o desenvolvimento socioeconômico do nosso país: combate a violência e a evasão escolar, gera emprego e renda, além de estimular a formação integral do ser humano.

“Hoje a FPC mantém programas de inclusão laboral em pelo menos 24 estados da federação e já exportou essa tecnologia para muitos países”, garante Valdinei Valério.

O trabalho da Fundação Pró-Cerrado (FPC) é inspirado pelo Jovem e sua expressiva capacidade de transformação social.

Serviço

Assunto: VII Fórum Ibero-Americano: Fazendo Política Juntos;

Data: 27/09 e 28/09;

Horário: 27/09 das 13h30 às 17h30; 28/09 das 09h00 às 17h30;

Local: Auditório do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Setor de Administração Federal Sul  – Quadra 8 – Lote 1 – CEP 70.070-943;

Fontes:

Superintendente da Renapsi –Valdinei Valério Silva (62) 99255-4419

Secretário Nacional de Juventude – Bruno Moreira Santos – (61) 99593-4054

Ministra do TST e vice-coordenadora do Programa Nacional de Combate ao Trabalho Infantil e Estimulo à Aprendizagem – Kátia Arruda(61) 3043-4920 ou (61) 3043-4920

1ª Dama do Distrito Federal – Márcia Rollemberg – (61) 3425-4739

 

A fiscalização é local

 

O candidato é seu

 

A eleição é municipal, portanto é no município que se fiscaliza, cobra e acompanha o processo eleitoral. Imagine se um deputado estadual, que já foi prefeito de uma pequena cidade, do interior do Brasil, tem um filho que já foi prefeito também na vizinha cidade onde ele já foi “coronel”; daí agora o filho lança a esposa para ser prefeita e o maior doador da campanha é exatamente o esposo, que junto com o pai, tem a fama de manobrar os sucessores…História assim só se descobre e fiscaliza, se você  está no município.

Por isso o Tribunal Superior Eleitoral – TSE – coloca à disposição do cidadão, as contas e os passos dos candidatos às eleições 2016. O cidadão pode saber quem são os personagens desse conto e também procurar o seu município para saber quem doou recursos, com que o candidato ou candidata gastaram e qual o volume de recursos já investidos na campanha.

Para isso, basta acessar o link

http://www.tse.jus.br/eleicoes/eleicoes-2016/divulgacao-de-candidaturas-e-contas-eleitorais

 

FISCALIZE E COBRE dos seus candidatos transparência.

 

MINISTRO DO TRABALHO ESCRAVO FAZ COMÍCIO EM BELA VISTA-GO

 

Tá na hora de começar a PRIMAVERA DA DEMOCRACIA, protestando contra os golpistas

Sequência de fotos: carteira de trabalho, Ministro do Trabalho com o xis vermelho na foto e o convite da candidata em Bela Vista de Goiás com o ministro, a fotos também tem um xis

Neste domingo, 11 de setembro, às 14h,  o ministro do TRABALHO ESCRAVO, Ronaldo Nogueira, faz um comício na cidade goiana de Bela Vista (50km da capital). O ministro é protagonista das piores notícias de reforma que o governo vai realizar:  até o fim deste ano vai oficializar a CARGA HORÁRIA DE ATÉ 12 HORAS semanais nas costas dos trabalhadores brasileiros.

Se você gostou dessa proposta, pode ficar tranquilo, mas se é contra mexer nos seus direitos, então mexa-se vá até Bela Vista de Goiás neste domingo, 11 de setembro, para protestar. O ministro do Trabalho Escravo vai apoiar uma candidata da cidade com amigos do jogo do bicho e do trabalho escravo.

Tá na hora de começar a PRIMAVERA DA DEMOCRACIA, vamos lutar pelos nossos direitos. MEXA-SE.

XÔ TRABALHO ESCRAVO.

 

oficina-de-radio-bonopolis-janeiro-2012

REVOLUÇÃO NO AR

 

Desobediência civil para implantar as RÁDIOS LIVRES

 

As rádios comunitárias surgiram em regiões periféricas e em pequenas cidades do interior e operam com baixa frequência em FM. São ferramentas de comunicação extremamente importante, com facilidade para instalação e funcionamento, com baixo alcance, tornam- se pontos de referência para as questões locais (aldeias), e tornam-se mais próximas das COMUNIDADES.

oficina-de-radio-bonopolis-janeiro-2012

Em 1990 no interior de Goiás, na cidade de Alvorada do Norte-GO, próximo as divisas com Bahia e Minas Gerais; uma grande experiência com RÁDIO LIVRE revolucionou a forma de comunicação naquela comunidade. Os interesses locais foram mexidos, a sociedade conseguiu minimante se organizar e surgiram as primeiras reações e repressões.

Depois dessa experiência em Goiás, achei que em um popular, fosse possível se democratizar a comunicação brasileira, com revisão das concessões das atuais Rádios e TV’s comerciais e a expansão da comunicação comunitária. Mas os governos democráticos de FHC, LULA e DILMA, não conseguiram mexer nesse vespeiro da comunicação social.

Agora estamos diante de grandes desafios, pois a mídia corporativa se coloca frontalmente contra o processo democrático e apoia abertamente um golpe parlamentar. O papel dos meios de comunicação foi preponderante para a destituição do Governo da presidenta Dilma Rousseff e o fortalecimento de forças fundamentalistas e radicais de direita raivosa no Brasil. O nosso desafio é a comunicação livre e democrática.

No Brasil hoje temos 4756 rádios comunitárias e 1414 novas serão autorizadas, conforme Plano Nacional de Outorgas (PNO – 2017-2019), para que assim possamos exercer o DIREITO HUMANO À COMUNICAÇÃO NO AR! Em muitas aldeias amazônicas, cidades do interior na região centro-oeste, vilas de pescadores, comunidades quilombolas, favelas e ocupações rurais, o rádio é um meio de comunicação acessível, prático, divertido e mobilizador para essas comunidades, e precisam funcionar.

Chegou a hora de fazer RÁDIO COMUNITÁRIA de forma LIVRE, sem apegos legais e/ou chancela de governo fajutas. Vamos organizar nossos grupos e montar RÁDIOS LIVRES pelo Brasil…o desafio está colocado.

Aproveite e confira se o seu município foi escolhido no PNO, e se desejar também seguir os meios legais, podemos também juntamos forças. Mas o maior desafio agora é a DESOBEDIÊNCIA NO AR!

Confira a LISTA dos municípios que poderão se habilitar para RÁDIO COMUNITÁRIA:

http://www.comunicacoes.gov.br/espaco-do-radiodifusor/tv-digital/plano-nacional-de-outorga

 

parayhba_tambau_facebook

 

O imperador Deocleciano perseguiu São Sebastião

Quem livrará PALMEIRAS das garras do “império”?

 

Há 16 anos os moradores de Palmeiras de Goiás lamentam…A cidade do Rei Mandão é considerada um feudo tucano. Nesse condado,  os adversários  são eliminados ou aderem – na dor – ao Rei Mandão.

Praça da Matriz de São Sebastião na cidade de Palmeiras de Goiás. Imagem do santo na frente da Igreja.

Encontrei um perseguido pelo Rei nas últimas eleições municipais; lamentou, chorou, xingou e atacou o Rei, mas depois aderiu…ele que tinha o poder do MICROFONE, teve que abandonar o que tem de talento, para não criticar o Rei. Daí,  virou um assessor e logo virou um súdito do rei. Foi um passo para tornar-se bobo da pequena corte tucana na cidade

A  perseguição  sofrida  por SÃO SEBASTIÃO levou  o SANTO a morte, mas o povo de Palmeiras não será eliminado…há promessas de LUTA e RANGER de dentes…Quem livrará a querida Palmeiras de Goiás do IMPÉRIO “deocleciano”?

Viva SÃO SEBASTIÃO!