15/04/2021
Início Posts ASSALARIADAS RURAIS NA LUTA CONTRA A VIOLÊNCIA

ASSALARIADAS RURAIS NA LUTA CONTRA A VIOLÊNCIA

16 dias de ativismo no mundo

Deste o dia  25 de novembro, Dia Internacional pela erradicação da violência contra as mulheres até 10 de dezembro, Dia mundial dos Direitos Humanos, as mulheres urbanas e rurais e as representantes das entidades  filiadas à Rel UITA estarão mobilizadas para dar visibilidade a todos os tipos de violência de gênero e promovendo a defesa dos direitos humanos no campo. As assalariadas rurais do Brasil se juntam as mulheres do mundo, para o combate a violência.

       A CONTAR – confederação nacional dos trabalhadores assalariados e assalariadas rurais – faz parte da  Campanha de 16 dias de ativismo contra violência de gênero e pela promoção de direitos humanos “Eu tenho direitos quero igualdade e respeito”, coordenada pela União Internacional dos Trabalhadores na Alimentação (Uita), entidade a CONTAR  é filiada, e por outras organizações parceiras.

A campanha é internacional, desenvolvida no mundo desde 1991, sempre nos no período de  25 de novembro – Dia Internacional de Combate à Violência contra a Mulher –  a 10 de dezembro – Dia Internacional dos Direitos Humanos.

A mobilização é da  Secretaria Regional da UITA, onde um importante número de mulheres trabalhadoras e sindicalistas estão  liderando os movimentos de luta e solidariedade, neste novo cenário que paira sobre a humanidade.

Isto fez com que surgisse a ideia de um aprofundamento maior sobre suas experiências, ressaltando os avanços e deixando claro o que é  preciso melhorar. Por isso, habilitamos pontos de encontro para conhecer, em primeira mão, os seus trabalhos e sua militância no empoderamento de seus pares, dentro e fora da organização sindical. As fortalezas são  construídas a partir do conhecimento e da troca de experiências!

E isso foi A CLAMU te visita! Um espaço para visibilizar as necessidades e propostas das mulheres e da comunidade LGBTI da UITA, promovendo a liderança e participação da mulher na tomada de decisões nos diferentes níveis da organização sindical.

Confira mais detalhes da CAMPANHA – 16 dias de ativismo

http://rel-uita.org/br/

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Mais Lidas

LIVRO – O futuro começa agora: da pandemia à utopia

  Após o lançamento do ensaio A cruel pedagogia do vírus, o sociólogo português Boaventura de Sousa Santos traz ao leitor uma obra que propõe...

CONEXAO CULTURAL mistura ações de Zuzu Angel e Juliette Freire

  O PODCAST das estudantes de jornalismo mostra cultura e entretenimento Três alunas do curso de jornalismo da Faculdade  Cásper Líbero, estreiam nesta segunda, 12 de...

Levante das Mulheres luta pela instalação imediata da CPI da Pandemia no Senado

  Lançado no dia 6 de abril, um documento redigido pela frente que reúne feministas de todo país pede urgência na apuração e responsabilização do...